Paulo Freire: a criatividade e o gosto da aventura do espírito.

paulo freire“A pedagogia que me toca é a pedagogia que escuta, provoca e vive a difícil experiência da liberdade, reconhecendo que há uma distorção, o autoritarismo. Minha opção é por uma pedagogia livre para a liberdade, brigando contra a concepção autoritária de Estado, de sociedade… Há um sinal dos tempos, entre outros, que me assusta: a insistência com que, em nome da democracia, da liberdade e da eficácia, se vem asfixiando a própria liberdade e, por extensão a criatividade e o gosto da aventura do espírito. ”

Paulo Freire – 19 de setembro de 1921- 2 de maio de 1997.

Publicado em Pedagogia da virtualidade | Deixe um comentário

Nice, México, Paris, Síria, Brasil…o planeta Terra continua de luto.

Esta galeria contém 1 foto.

Fonte: site Mulheres que Correm com os Lobos.

Galeria | Deixe um comentário

Bem-vindo(a)!

O propósito deste Blog é vivenciar, experienciar a rede como caminho para a aprendizagem, é gerar um espaço de sensibilização, opiniões, discussão e compartilhamento de textos vinculados aos desafios do educar na contemporaneidade. Considerando as alterações no próprio grupo e … Continuar lendo

Galeria | Deixe um comentário

A realidade virtual em arte

Chalkroom e a realidade virtual na arte de Laurie Anderson.

Nota | Publicado em por | Deixe um comentário

A educação na proposta dos presidenciáveis do Brasil 2018.

teacher

Conheça aqui a proposta para educação dos presidenciáveis do Brasil 2018.

 

Nota | Publicado em por | Deixe um comentário

A resposta esta soprando no vento

Caro leitor, em tempos sombrios oferecemos um vídeo para você refletir… a resposta esta soprando no vento:

Nota | Publicado em por | Deixe um comentário

Big Data en educación

Hola! Aquí le sugerimos un libro que fue publicado este año: “Big Data en Educación. El futuro digital del aprendizaje, la política y la práctica” de Ben Williamson (Ed. Morata, 2018)

“Los macrodatos o la inteligencia de datos tienen el poder de transformar la educación y la investigación educativa. Gobiernos, investigadoras e investigadores y empresas están comprendiendo el potencial que ofrecen para informar ideas, políticas, contribuir al desarrollo de nuevas herramientas educativas y de formas innovadoras de realizar la enseñanza y de llevar a cabo investigaciones. Este libro focaliza en un imaginario poder de los macrodatos en educación que anima las actividades de quienes desarrollan aplicaciones educativas; en las potencialidades del análisis de datos a alta velocidad en tiempo real, en la supuesta objetividad de los algoritmos, en la posibilidad de aprehender una gran diversidad de actividades de aprendizaje, en el potencial para predecir o anticipar eventos futuros y en la posibilidad de poder dar forma al futuro a través de intervenciones tecnológicas específicas. Por tanto, se requieren nuevos tipos de alfabetización para que los datos personales y escolares se utilicen de manera informada y ética, pues entre otros asuntos, la próxima ola de desarrollos está diseñada para extraer datos mucho más íntimos de los cuerpos del alumnado, de sus rostros e incluso sus cerebros. Big Data en Educación pretende ser una introducción crítica a desarrollos tecnológicos para educación basados en macrodatos, en la inteligencia artificial y en el poder algorítmico. Entre los temas clave que aquí se abordan, cabe destacar: •El rol del aprendizaje y de los datos escolares en las instituciones educativas. •Una apreciación crítica del código, de los algoritmos y de las infraestructuras. •El auge de las aulas cognitivas y la aplicación práctica de algoritmos computacionales a entornos de aprendizaje •Los aspectos a tener en cuenta en los métodos de investigación digital. Una lectura esencial para cualquiera que estudie o trabaje en el contexto educativo actual.” Fonte Ed Morata.

Aprovechen!

Nota | Publicado em por | Deixe um comentário

Crise humanitária, migração e refúgio

A crise humanitária atual nos remete ao movimento migratório e ao refúgio que ocorre no mundo e que clama por menos nacionalismo e mais generosidade entre os países, no dizer de Elena Poniatowska.

A palestra oferecida pelo P. Paolo Parisi no Centro de Estudos Urbanos e Rurais, da FFLCH Universidade de São Paulo, nos aproxima da atuação da Missão Paz. Esta permite relacionar pessoas e orientar ações que dão consistência à vida dos refugiados. O Brasil, signatário de convênios internacionais, dispõe de dispositivos legais, jurídicos, educacionais e culturais, que poderão ser aperfeiçoados para contribuir com esse movimento.

Assista o vídeo da palestra:

Nota | Publicado em por | Deixe um comentário

Internet, democracia e eleições – Guia prático para gestores públicos e usuários

O Comitê Gestor da Internet no Brasil apresentou o guia prática “em um momento pré-eleitoral, em que se acirram as disputas políticas dentro e fora da rede.”
Especialmente, em tempos de desinformação, Fake news, informacões não verdadeiras…é muito importante acompanhar o debates e a produção.
Boa leitura!
Nota | Publicado em por | 2 Comentários

Testemunho de mulher

“Tive a alegria de conhecer Moema Viezzer há quase 20 anos no âmbito do Fórum Paulo Freire e do Fórum Social Mundial e, a partir daquele momento, fiquei tocada por sua história de iniciativas e compromisso com o meio ambiente, as mulheres e a educação popular. Nesta entrevista[1], realizada na cidade de São Paulo em meio a atividades vinculadas ao lançamento do seu mais recente livro, Vocação de semente – a história de uma facilitadora da inteligência coletiva, procuramos dialogar especialmente acerca de questões relativas ao lugar da mulher no pensamento e nas práticas pedagógicas.

Leia a seguir a íntegra desta entrevista.

 

Nota | Publicado em por | Deixe um comentário